24.7.14

Repolho assado com molho de mel e mostarda


Não esperava muito, mas achei a receita uma ótima forma de preparar repolho.

 Daqui.



Repolho assado com molho de mel e mostarda



1/2 cabeça de repolho
3 c sopa de azeite
1 c sopa de mostarda tipo dijon
1 c sopa de mel
1/2 x de farinha de rosca (ou, melhor ainda, Panko)
sal e pimenta a gosto


Misture 2 colheres de sopa de azeite, o mel e a mostarda. Use a colher de azeite restante para pincelar a forma.

Corte o repolho em fatias. Coloque-as sobre a forma e pincele a superfície com o molho de mel e mostarda. Polvilhe a farinha de rosca e tempere com sal e pimenta a gosto. Leve ao forno à 200°C por 35-40 minutos até que as fatias comecem a dourar e ficar crocantes.




13.7.14

Pudim simples de chocolate

Geralmente procuro receitas para usar os ingredientes que estão vencendo ou sobrando na despensa. Não sou muito de planejar e comprar os itens para preparar uma receita. Olho para armários e geladeira e começo a pensar no que cozinhar. A barra de chocolate estava de bobeira desde antes da Páscoa e achei que era hora de dar fim a ela. O chocolate não era lá de grande qualidade apesar de ser meio amargo, mas ficou bom, melhor do que os pudins de caixinha e rendeu bem (6-7 porções). Se quiser, você pode adicionar um pouco de licor para dar um gostinho diferente, "batizei" o meu com um pouco de Drambuie.





Pudim simples de chocolate


1/4 x de amido de milho (30 gr)
1/2 x de açúcar (100 gr), use menos se o chocolate for muito doce (como o meu)
1 pitada de sal
3 x de leite integral (710 ml)
170 gr de chocolate meio amargo picado
1 c chá de extrato de baunilha (não usei)

Coloque o amido, o açúcar e o sal em uma panela média, adicione um pouco de leite e misture para que os ingredientes secos se dissolvam sem formar grumos, termine de adicionar o leite mexendo para incorporar bem e cozinhe em fogo médio mexendo de vez em quando até que o creme comece a engrossar. Antes que comece a borbulhar, junte o chocolate e misture por mais 2-4 minutos. Retire do fogo e junte o extrato de baunilha ou licor (se usar). Distribua entre tacinhas de sobremesa e deixe na geladeira até esfriar, cerca de 2-3 horas. Se não quiser que uma película de creme se forme na superfície do pudim, cubra-a com filme plástico. Se desejar, sirva com chantilly.




11.7.14

Julho. Copa quase no final (não que ligue para copa ou futebol). Frio. Trabalho. Leituras. Tudo bem.


3.7.14

Salada de arroz integral, rabanete, abacate e milho com molho de coentro


Salada de sobras de arroz integral, abacate, milho e rabanete temperada com molho feito com coentro, suco de limão, alho, azeite, pimenta do reino e sal a gosto, tudo batido no liquidificador, se a quantidade de molho for pouca, talvez seja mais fácil usar um mixer de mão ou mesmo um pilão, as folhas de coentro não ficaram tão batidas quanto gostaria. O arroz pode ser substituído por feijão, grão de bico, cevada, quinoa...


20.6.14

Arroz doce com açúcar mascavo


Não é minha sobremesa preferida, mas achei gostosa. Melhor morno, logo após ser feito, achei que o arroz absorveu muito líquido depois de esfriar, se preferir com mais caldo, adicione mais leite.



Arroz doce com açúcar mascavo

(Para 2  pessoas)

1/2 xícara de arroz arbório (próprio para risoto)
1 c sopa de manteiga
2 x de leite integral
1/3 x de creme de leite
1/4 x de açúcar mascavo
1/2 c chá de extrato de baunilha (usei um pedaço de canela em pau, cozinhei com o arroz e retirei ao final)


Derreta a manteiga em uma panela em fogo médio/baixo. Adicione o arroz e refogue por alguns minutos até que os grãos fiquem um pouco translúcidos.

Em outra panela, misture o leite e o creme de leite e aqueça. Junte essa mistura à panela de arroz, meia xícara de cada vez, mexendo até que a maior parte do líquido tenha sido absorvida antes de adicionar mais. Deve levar cerca de 15-18 minutos para que todo o leite seja absorvido pelo arroz. Adicione o açúcar mascavo e o extrato de baunilha. Mexa por mais dois minutos para que o líquido se reduza um pouco.

Retire do fogo e deixe esfriar. Se for guardar, cubra a superfície com filme plástico para que o creme não forme uma película.

16.6.14

Frango assado com capim-limão


Outro prato vietnamita muito simples e gostoso. É a segunda vez que preparo, minha muda de capim-limão tem sofrido com isso, preciso providenciar outra logo, logo...

Vai muito bem com as berinjelas ao vapor.

Fiz metade da receita usando sobrecoxas, mas é possível usar um frango inteiro em pedaços. Como de hábito, usei só o molho de soja, pois ainda não me acostumei com o nuoc mam. Daqui, visto aqui.




Frango assado com capim-limão


8 pedaços de frango (coxas e sobrecoxas)
2 bulbos de capim-limão fresco (parte branca, cerca de 15 cm a partir da raiz)
opcional: 1 pimenta dedo de moça sem sementes picada ou 1/2 c café de pimenta calabresa
2 dentes de alho amassados e picados
1 echalota picada (ou um pedaço de cebola)
1 c sopa de nuoc mam, molho de peixe, (substituí por molho de soja)
2 c sopa de molho de soja
1 c sopa de vinagre de arroz
1 c sopa de açúcar mascavo (eu costumo usar mais para ficar mais agridoce)
4 c sopa de água
pimenta do reino a gosto
1 c sopa de coentro picado (esqueci)


Limpe o frango, retire o excesso de gordura, seque com papel toalha e reserve.

Lave os bulbos de capim-limão, remova as primeiras camadas de folhas mais duras e empregue a parte mais clara, pique muito bem. Em um recipiente, misture o nuoc mam, o molho de soja, o açúcar, o vinagre e a água. Junte o capim-limão picado, a echalota, o alho e a pimenta dedo de moça. Misture e tempere o frango com essa marinada. Deixe tomar gosto na geladeira por ao menos 2 horas.

Preaqueça o forno à 240°C. Coloque os pedaços de frango em um refratário com a pele voltada para cima. Tempere com pimenta do reino, coloque no forno e abaixe a temperatura do forno para 210°C. Asse por cerca de 40 minutos regando com o molho a cada 15 minutos (precisei de 1 hora no meu forno). Adicione mais água caso necessário (o fundo queimou um pouco no meu caso). Salpique o coentro e sirva.